Telefonoaudiologia: princípios da boa prática

Telefonoaudiologia: princípios da boa prática

Baseado em 131 avaliações
  • 265 Alunos matriculados
  • 15 Horas de duração
  • 29 Aulas
  • 6 Módulos
  • 5 Avaliações
  • Certificado de conclusão
Parcele em 12x R$ 15,07 (ou R$ 150,00 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
"Curso muito bem elaborado, possibilitando a reflexão e o conhecimento amplo e profundo sobre a Telefonoaudiologia e o próprio fazer fonoaudiológico. Parabéns a todos os envolvidos!"
Marla
mais avaliações

Após a conclusão deste curso, os participantes serão capazes de:

  • Elencar tendências da área da saúde que impulsionam a telefonoaudiologia

  • Definir o que é a telefonoaudiologia e suas principais atividades

  • Descrever como a telefonoaudiologia pode auxiliar o profissional a envolver o paciente em seu próprio tratamento. 

  • Elencar os principais aspectos legais, éticos e regulatórios envolvidos na utilização de soluções em telefonoaudiologia

  • Identificar requisitos mínimos de infraestrutura tecnológica, padrões de segurança e privacidade para a teleconsulta

  • Listar os principais elementos de uma teleconsulta bem-sucedida e telepresença de qualidade

  • Resumir os elementos de uma teleconsulta centrada no paciente

  • Discutir potenciais desafios para utilização da telefonoaudiologia


Curso gratuito para sócio da SBFa e professores de graduação!

Você é sócio? Acesse o passo a passo, gere seu cupom e efetue sua inscrição com 100% de desconto!

Você é professor de graduação? Envie seu nome completo + email + certidão de regularidade do conselho regional que pertence para o email cursosead@sbfa.org.br

Sua inscrição será realizada manualmente dentro de 5 dias úteis.


3 meses Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 3 meses após a matrícula.
Nenhuma descrição cadastrada.
Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia
""

           

Deborah Viviane Ferrari
""


Livre Docente em Fonoaudiologia,  Faculdade de Odontologia de Bauru - Universidade de São Paulo (FOB/USP). Professora Associada do Departamento de Fonoaudiologia da FOB/USP. Membro do Grupo de Trabalho em Telefonoaudiologia do Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa).  Vice-coordenadora do Comitê em Inovação e Conhecimento Exponencial em Audiologia - Departamento de Audição e Equilíbrio da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa - Gestão 2020-2022).


Giédre Berretin
""


Livre Docente em Fonoaudiologia, Faculdade de Odontologia de Bauru - Universidade de São Paulo (FOB/USP). Professora Titular do Departamento de Fonoaudiologia da FOB/USP. Diretora Científica da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa - Gestão 2020-2022). Coordenadora da  Comissão de Ensino da Associação Brasileira de Motricidade Orofacial (ABRAMO - Gestão 2018-2021)


Patricia Danieli Campos
""


Doutora em Fonoaudiologia Faculdade de Odontologia de Bauru – Universidade de São Paulo (FOB/USP). Fonoaudióloga na Clínica de Fonoaudiologia da FOB/USP.


Andrea Cintra Lopes
"Professora Associada do Departamento de Fonoaudiologia - Faculdade de Odontologia de Bauru - Universidade de São Paulo"


Livre Docente em Fonoaudiologia, Faculdade de Odontologia de Bauru – Universidade de São Paulo (FOB/USP). Professora Associada do Departamento de Fonoaudiologia da FOB/USP. Presidente da Comissão de Saúde do Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa) 13º. Colegiado.  Presidente do Grupo de Trabalho em Telefonoaudiologia do CFFa.


Carmen Silvia Carvalho Barreira Nielsen
"Professora Associada do Depto de Fonoaudiologia UFES "


Doutora em Ciências Fisiológicas - Universidade Federal do Espírito Santo (UFES/ES). Estágio pós-doutoral em em Audiologia, University of Ottawa - Canadá. Professora Associada do Departamento de Fonoaudiologia da UFES/ES. Coordenadora do Programa de Implante Coclear e Chefe da Unidade e-Saúde do Hospital das Clínicas da UFES/ES. Membro do Grupo de Trabalho em Telefonoaudiologia do Conselho Federal de Fonoaudiologia (CFFa). Coordenadora do Comitê em Inovação e Conhecimento Exponencial em Audiologia - Departamento de Audição e Equilíbrio da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa - Gestão 2020-2022).


Chao Lung Wen
""


Livre Docente. Professor Associado da Faculdade de Medicina - Universidade de São Paulo (FM/USP).  Chefe da Disciplina de Telemedicina - FM/USP. Líder do Grupo de Pesquisa em Telemedicina, Tecnologias Educacionais e eHealth no Conselho Nacional para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq/MCTI).


Eduardo Tomasevicius Filho
""


Livre-Docente em Direito Civil, Faculdade de Direito - Universidade de São Paulo (USP).   Professor Associado do Departamento de Direito Civil da Faculdade de Direito (USP).


Ingrid Gielow
""


Doutora em Distúrbios da Comunicação Humana, Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Vice-Presidente da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia (SBFa - Gestão 2020-2022). Professora do MBA da Fundação Getúlio Vargas e do Centro de Estudos da Voz. CEO da ProBrain Soluções Neurotecnológicas para Saúde e Educação.


Emílio Tissato Nakamura
""


Cientista da computação. Graduação em Ciência da Computação (UEL, 1997), mestrado em Ciência da Computação (UNICAMP, 2000), MBA Executivo (ESAMC, 2005). Possui o “Certified Information System Scurity Professional (CISSP) desde 2003 e, em 2005, obteve o Information Systems Security Architecture Professional, ISC2 - International Information Systems Security Certification Consortium (CISSP-ISSAP) e o Information Systems Security Management Professional, ISC2 - International Information Systems Security Certification Consortium (CISSP-ISSMP). Obteve o Payment Card Industry Data Security Standard (PCI DSS) em 2007. Foi auditor Líder ISO 27001. É Diretor de Cibersegurança na Rede Nacional de Pesquisa (RNP). Autor do livro "Segurança de Redes em Ambientes Cooperativos", publicado inicialmente em 2002 e que está na décima edição.


Gabriele Ramos de Luccas
""


Monitor SBFa
""


Nenhuma descrição cadastrada.

Conteúdo Programático

Tem o objetivo de apresentar equipe e o curso em Telefonoaudiologia: princípios de boas práticas.
  • 1. Guia do Aluno
  • 2. Cartaz de apresentação
  • 3. Apresentação Curso introdutório em Telefonoaudiologia: princípios da boa prática
  • 4. Apresentação do corpo docente do curso
O módulo "Transformações na saúde e o cuidado centrado na pessoa" tem o objetivo de demonstrar as modificações que tem acontecido na área da saúde em termos de modelo de atendimento e uso de tecnologias.
  • 1. Transformações na saúde
  • 2. Abordagem centrada na pessoa: uma necessidade para o presente e o futuro
  • 3. Modelo transteórico de mudança comportamental
  • Transformações na saúde e o cuidado centrado na pessoa
O módulo "Telefonoaudiologia: Conceitos fundamentais" tem como finalidade definir os conceitos relacionados à Telefonoaudiologia, indicando suas modalidades e descrever seus benefícios e limitações.
  • 1. Contextualização e definição de telefonoaudiologia
  • 2. Modalidades: síncrona, assíncrona, híbrida e automática (auto-teste)
  • 3. Principais atividades: em Telefonoaudiologia
  • 4. Locais onde a Telefonoaudiologia pode ser realizada
  • 5. Potenciais benefícios e desafios da aplicação na fonoaudiologia
  • Telefonoaudiologia: Conceitos fundamentais
O objetivo do módulo "Aspectos legais e regulatórios" é resumir os principais aspectos éticos e regulatórios relacionados à Telefonoaudiologia.
  • 1. Direitos da personalidade
  • 2. Legislação Aplicável
  • 3. Responsabilidades
  • 4. Resolução 580 de 20 de agosto de 2020
  • 5. Diretrizes de boas práticas em telefonoaudiologia
  • 6. Aspectos legais e regulatórios
  • 7. Aspectos legais e regulatórios
  • Aspectos legais e regulatórios
O módulo "Escolha de tecnologia e telepresença" tem por finalidade diferenciar as consultas síncronas e assíncronas e elencar os requisitos mínimos de infra-estrutura, segurança e privacidade para fornecimento de teleconsulta síncrona.

  • 1. Infraestrutura tecnológica
  • 2. Requisitos mínimos para a teleconsulta síncrona
  • 3. Segurança e privacidade
  • 4. Recomendações de segurança
  • 5. Telepresença e etiqueta WEB
  • 6. Habilidades de comunicação na web
  • Escolha de tecnologia e telepresença
O módulo "Telefonoaudiologia: considerações clínicas" tem o objetivo de elencar fatores que devem ser considerados na seleção de pacientes para teleconsulta, reconhecendo as limitações desta prática e descrevendo a estrutura da consulta para envolvimento do paciente.
  • 1. Comunicação centrada no cliente
  • 2. Estrutura de uma teleconsulta centrada no cliente
  • 3. Teleconsulta: considerações para a seleção de pacientes
  • 4. Mudança de comportamento em saúde: potencialidades da telefonoaudiologia
  • Telefonoaudiologia: considerações clínicas
Voltar ao topo